domingo, setembro 25, 2005

No fim do mundo

Ontem ainda fomos jantar uma "parrillada" típica. Tanta carne que ficámos enjoados e ainda mandámos metade para trás...

Hoje foi dia de despedida de Buenos Aires. Mochilas todas às costas e ainda fomos ao bairro de Palermo dar uma olhadinha rápida.
Bairro animado e cosmopolita, com tendas de bugigangas e aprovéitamos para almoçar lá numa esplanada.
Depois toca a apanhar taxi para o aeroporto que estamos atrasados e afinal o vôo é que atrasou 2 horas...

Chegámos a Ushuaia, no fim do mundo, já era noite. O tempo está mais frescote - uns 5 ou 6 graus - mas pelo menos nao chove. Após procurar alguma coisita, conseguimos uma casa (B&B) só para nós, com cozinha e tudo!!
(a cerveja artesanal de Ushuaia durante o jantar também caiu que foi uma maravilha)

(PS. Bárbara - só para dizer mal de quem diz mal de mim, isto é, tantas horas a ouvir que nao me ia aguentar, que o Rui ia dar cabo de mim, que devia fazer treinos e todas essas balelas e afinal, nao só me aguento, como sou eu que arrasto o Rui para todo o lado! Tenho dito!)

3 comentários:

*Bidiana disse...

msgs a dizer que por cá não se dá noticias... mas quem anda aqui com a perna em fanicos é a je por causa do teu cão que não dá descanso do esférico...
o alex devia aí estar a puxar tb pelo rui... assim é que ele me dava descanso!!! Por cá tudo se recomenda! Impec!
A mae tá sem bateria pk pai foi madrid e levou com ele carregador... e ao que parece não sabemos qd volta! andre tá a dar curso intensivo de lavar loiça e arrumar casa ao pai! e já o conseguiu arrastar ao IKEA! quem diria!!!!
As obras, os homens e o pó cá continuam a fazer companhia à gente!!
Fomos a vossa casa, e tá tudo bem.

Gozem isso a fundo (e tenham cuidado - mãe!)

Gozem isso e façam mta asneira (mariana)!

Bjos, beijinhos, beijões, abraços e quentinhos cá das duas!

Tiago Blogger disse...

Parece que estão a ser umas boas férias.
Não se esqueçam de dançar um tango antes de regressarem.

Tiago Ingalês

Xô dr. mestre Eng. trolha de Borges e Fernandes disse...

Barbara, quem realmente conhece o Sr de Jorge e Xará, não fica de todo surpreendido com o facto de o Xará não conseguir acompanhar o teu ritmo (Quá, quá, Xará, quá, quá´, Xará). Ele nem peladar como um Óme consegue, tem de ter bicicletas que até andam sózinhas... ah pois ééé!

Calma Odete Xará, calma!

Cumprimentos